Imagem ilustrativa para o post "Colunista Biobox por Nivaldo Baldo"

Colunista Biobox por Nivaldo Baldo

Com o aumento do esporte profissional, em busca de resultados e valores econômicos astronômicos, cada vez mais as crianças e adolescentes tem se lançado em práticas e treinos de alto risco, provocativos, com o aumento de lesões de vários tipos para a saúde em geral, como para sistema osteoneuromuscular.

O jovem e o adulto que buscam desenfreadamente o sucesso e os ganhos com esportes sem dúvida pagam o imposto de suas atividades, as lesões. Atualmente os governos e as famílias colecionam perdas e gastos com tratamentos pelos exageros dos treinamentos e práticas esportivas. 

Os exercícios provocativos, como os esportes provocativos, podem causar perdas, invalidez e tem aumentado os cidadãos com dificuldades físicas e mesmo sócio psicológicas.  O esporte não é um “remédio”, não evita doenças, não cura ninguém, somente colabora com a satisfação e pode gerar lucros com as empresas de esporte, roupas, comidas, isotônicos, vitaminas suplementos      

Como alinhar e adequar as crianças, os jovens os adultos e os idosos  perante as práticas esportivas ?  

Somente com elevado conteúdo de conhecimento verdadeiramente cientifico, especifico e generalizado, levando em consideração todos os princípios de segurança da vida humana. 

 

por Colunista Dr Nivaldo Baldo 



Qual a sua opinião?

Mulher com smartphone nas mãos

Rua José de Souza Campos, 243, 5º andar
Cambuí
13025-320 Campinas, SP
19 3251-1227
0800 770 1227